quarta-feira, outubro 29, 2008

O betão e o PCP...


Vamos então ver o que esta governação PCP vai permitir que se faça no nosso concelho...

Seixal, Quinta da Trindade - 1516 Fogos promotor Libertas

Seixal, Baia - 300 Fogos promotor A.SILVA & SILVA

Seixal, Verdizela - 30 000 fogos , em 800 hectares , junto a Sítio Rede Natura 2000

Paio Pires, Siderugia - 1500 fogos
Seixal, Torre da Marinha - Torres de 15 e 12 andares, desafectação de áreas de REN e RAN

Estimando por baixo, 3 pessoas por casa, são mais de 100.000 pessoas.

100.000 pessoas que vão precisar de centros de saude

100.000 pessoas que vão precisar de segurança

100.000 pessoas que vão precisar de emprego

100.000 pessoas que vão precisar de acessibilidades para se deslocar.

Acha que a sua vida vai ser igual com mais 100.000 pessoas no Seixal?

9 comentários:

Anónimo disse...

30 000 mil fogos na Verdizela podem-me informar onde posso encontrar informação sobre isso ou é mais uma mentira?

aldeia pp

Filipe de Arede Nunes disse...

Parece-me que existiu aqui uma confusão por parte do Davide.

O que se fala para a Verdizela - e que não tenho ideia de ter sido negado pela autarquia - é de cerca de 10.000 fogos, que a uma média de 3 pessoas daria cerca de 30.000 pessoas.

A verdade é que actualmente estão em fase de construção cerca de 600 fogos nesta zona e esta será a primeira de um conjunto vasto de fases.

Seja como for o lapso não retira pertinência às questões suscitadas. Não serão 100.000 pessoas novas no nosso concelho, mas serão algumas (isto porque apesar da muita construção continuamos a ser pouco mais de 10 milhões de pessoas) e como é óbvio, não existem as infra-estruturas necessárias para responder à satisfação das necessidades mais básicas da população.

É que as Câmaras Municipais não podem ao mesmo tempo conceder alvarás de construção e exigir ao governo central a construção de escolas, centros de saúde, hospitais e infelizmente é isso que acontece.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Davide Ferreira disse...

A minha fonte para esta informação é um blog conhecido pela sua veracidade que se chama A-SUL. E de boa fé usei essa informação, e até aparecerem provas em contrário tomarei como verdade essa informação.

Anónimo disse...

Este post e o comentário do Davide é do mais cretino que já li.
Primeiro: O A-Sul é tudo menos credivel, pois para o A-Sul tudo o que é vermelho, sejam comunas ou benfiquistas, não presta...
Segundo: Não é quem afirma um facto que tem de provar a veraciade do mesmo, mas sim quem diz que o facto não é verdadeiro... Ora isto é a negação dos mais elementares principios de um estado de direito... É que basta um cretino, como o ponto verde, difundir um facto, para o mesmo ser verdadeiro, cabendo o onus da falsidade ao visado por esse facto...

Carla F. disse...

Eu penso que o aumento das construções não vai levar à existência desse número de pessoa tão rapidamente, simplesmente porque a vida está difícil e cada vez menos pessoas têm possibilidades para comprar casa. Ainda por cima acabadinha de construir. Podemos ver isso pelo facto de certas urbanizações que já foram concluídas há um tempo considerável ainda terem apartamentos à venda. Mas a longo prazo, quando essas casas estiverem ocupadas claro que vamos ter problemas como a segurança insuficiente, poucos centros de saúde com poucos médicos para tanto munícipe.

Eu sei que é óbvio que a CMS lucra com a criação de novas construções ao contrário da criação de novos espaços verdes. E sei que também já temos alguns espaços verdes no nosso concelho, mas acho que ainda é insuficiente e que certas zonas em vez de serem aproveitadas para construções deviam ser aproveitadas para este fim. Para mim, um município mais verde é um município melhor, não só em termos do ar que se respira nele, mas também porque incentiva as pessoas a saírem de casa, passearem,fazerem desporto, interessarem-se pela natureza, verem o nosso concelho e não só blocos de betão.

Marlene Pires disse...

Eu penso que se deve comentar apenas o post em vez de ofender. É porque ao menos aquele a quem chama cretino dá o nome e a cara, ao contrário dos anónimos... Portanto eu creio que era positivo para todos que não se voltasse a repetir este tipo de comentários absurdos.

Relativamente ao post, apraz-me dizer que tem um bom apanhado daquilo que se tem (des)feito no conselho.

Cumprimentos,

MP

Anónimo disse...

Temo que não haja futuro para o seixal se os comunistas instalados na Câmara fizerem até final de 2009 o que ameaçam fazer. Construir ou aprovar para que se construa todos os cantinhos de terra que existem ainda livres. É uma vergonha o que estes autarcas CDU fizeram dum concelho que se construiu de raiz durante os ultimos 30 anos. O Seixal era um concelho cheio de quintas cultivadas, o poder local CDU com todo o seu oportunismo e corrupção deixou construir todo o território sem planeamento sem regras sem nada nuns sítios prédios de 3 andares ao lado 5 ou 10. Para onde estava previsto construir 3 pisos conforme o que conseguiam negociar com o pato bravo assim iam crescendo os pisos. Usaram e abusaram do poder dividiram as receitas por eles e por os amigos dando emprego a quem eles querem entregando obras da camara só a quem eles querem por valores exorbitantes sem que fossem cumpridos prazos e custos ficando sempre a obra pelo dobro do valor. O Seixal não quer este poder local corrupto e sem escrúpulos o Seixal não quer a CDU. Não queremos mais CDU, queremos rigor queremos transparência, queremos a liberdade de podermos participar na vida cívica do concelho, das nossas opiniões serem respeitadas. QUE NINGUEM SE ABSTENHA, FAÇAMOS DO DIA DAS ELEIÇÕES EM 2009 UM DIA DE PARTICIPAÇÃO CÍVICA PARA DEFENDER OS NOSSOS DIREITOS INDO VOTAR PARA QUE A CDU NÃO GANHE MAIS ELEIÇÕES NO CONCELHO DO SEIXAL.

Anónimo disse...

4 722 268 euros Qual o significado deste número para os munícipes do Seixal??

Anónimo disse...

Cuidado com os acessos pedonais à Ponte da Fraternidade da parte da Amora