segunda-feira, janeiro 12, 2009

Sonho verde

Aparte do constante discurso que a JSD Seixal têm tido e que se tem insurgido acerca do Betão no Seixal, acreditamos convictamente que ainda se poderá fazer algo para remediar a situação do Concelho betonizado que vamos herdar da CDU.
Uma das propostas que a JSD Seixal têm estudado, e analisado é a construção de um Seixal Park na área da antiga siderurgia nacional de Paio Pires.
São 370 hectares no nosso Concelho, que exigem uma requalificação imediata para lá dos planos de estudo e para o qual a melhor solução a nivel ambiental, social e ecónomico era a construção de um enorme Parque Ambiental ao nivel do que acontece nas grandes capitais mundiais como o Central Park em Nova Iorque, e o Hyde Park em Londres que seriam uma enorme mais valia para todos.

Por isso, a construção de um Seixal Park seria um enorme corredor verde entre três cidades com uma elevada densidade populacional na Margem Sul, como o Barreiro que têm cerca 80 mil habitantes, Almada que têm cerca de 160 mil habitantes e o Seixal com a sua população aproximada de 170 mil habitantes. Ou seja, devido a excepcional posição geografica central que o Seixal ocupa, quer a nivel distrital, quer na área metropolitana de Lisboa, um enorme corredor verde de uma dimensão aproximada de 200 hectares iria fazer as maravilhas de uma população encafuada entre betão e iria potencializar de uma forma séria e sustentada o turismo no Seixal sendo uma forma tambem de captar pessoas oriundas da Margem Norte à procura de um parque ambiental com grandes condições quer de dimensão, quer de acessibilidades. E assim deixava-se um enorme legado ambiental para as gerações futuras que até à data não tem sido defendido.
Isto tudo, numa altura em que se encontra como dado adquirido a construção de uma ponte que irá ligar Chelas-Barreiro e consequentemente o Barreiro-Seixal e que irá fazer com que a mobilidade inter-municipal melhore significativamente. Assim não haveria melhor plano de Requalificação dos terrenos da Antiga Siderurgia Nacional do que a criação do Seixal Park (quer socialmente, ambientalmente e economicamente).

E se tivermos em conta o enorme passivo ambiental da Aldeia de Paio Pires já referenciado pela Quercus não existe outra possibilidade senão esta.

Assim este é um projecto que devia ser uma das prioridades deste executivo não por mero capricho, mas sim por uma enorme necessidade de protecção ambiental que não tem sido de modo algum o apanagio deste executivo, e se melhores soluções não forem apresentadas e estudadas já sabemos que estamos condenados à construção de mais 1500 fogos.
Assim esta noticia é ilustrativa disso e demonstra bem a posição dos autarcas do PSD na Assembleia Municipal, e tambem as criticas que este projecto merece por parte do senhor vereador João Seabra(PSD):

"O Estudo de Ordenamento Urbano e Paisagístico para a zona da antiga Siderurgia Nacional de Paio Pires, Seixal, foi aprovado com 28 votos a favor (21 do PCP, 4 do PS e 3 do BE) na última assembleia municipal, dia 29. Votos contra foram nove (6 do PSD e 3 do PS) tendo ainda havido uma abstenção do PS.

"Da oposição surgem algumas críticas ao “excessivo número de fogos que o estudo apresenta”, afiança o vereador do PSD, João Seabra. O social-democrata elogia o estudo mas teme que o mesmo “não se venha a cumprir”, pois “exige investimentos avultados, sobretudo no que toca a acessibilidades, num período de crise para o Estado”.

Já curiosamente o senhor Vereador do PS, não deve viver no mesmo Seixal que nós e não vê problema algum na construção de mais 1500 habitações, preferindo ter mais dinheiro de Bruxelas do que promover a harmonia social que tanta falta faz ao Seixal, demonstrando uma mentalidade quase provinciana, diria eu, bem ao género dos autarcas da CDU.

"Já José Assis, vereador socialista, não entende “onde estão os fantasmas no que toca à habitação”, defendendo que “a habitação e a indústria podem coexistir”. A grande preocupação do vereador é que o Seixal “não fique atrás de Almada ou do Barreiro no que toca à captação de fundos comunitários”, pelo que o plano de pormenor “tem de ser desenvolvido rapidamente”.

O Seixal tem de combater fortemente o enorme passivo ambiental que este executivo nos quer impôr, e o Seixal Park é concerteza uma das soluções.

15 comentários:

Anónimo disse...

muito bom post

parabens

Ponto Verde disse...

Estou realmente de acordo com a renaturalizacão dos terrenos da siderurgia e contra a sua urbanizacão.

Mas é preciso não esquecer zonas sob proteccão ambiental , tais como o Sítio Rede Natura 2000 de Fernão Ferro-Lagoa Albufeira ou a zona protegida no PDM como Mata e Macico Arbóreo da Flor da Mata!

Sem esquecer a renaturalizacão de toda a área Lunar dos areeiros a noroeste do aterro municipal.

UM único parque verde num concelho tão vasto, deixando tudo o resto sob a ameaca do betão é muito perigoso!

É preciso também não esquecer o corredor verde ameacado pelo Plano de Pormenor da Torre da Marinha.

Pina Martins disse...

Daniel,

A ideia é muito boa, os meus sinceros parabéns.

Continuação de bom trabalho,

Anónimo disse...

Eu acho que esta ideia é muito boa!!
Precisamos de um espaço verde grande!
Almada tem o Parque da Paz, o Barreiro tem pelo menos o Parque da Cidade (não é muito grande mas ainda tem algumas dimensões comparativamente aos que há no Seixal). E já chega de tudo quanto é espaço no Seixal ser aproveitado para "semear" betão!!!
Só espero que consigas que a tua ideia seja ouvida, não só por nós, simples militantes e visitantes deste blog, mas por pessoas que podem pôr este projecto em andamento!!!

Carla F. disse...

Acima fui eu que escrevi. Engano-me sempre :s

Carla Fernandes

Daniel Geraldes disse...

Caro Ponto Verde,

eu quando escrevi sobre o Seixal Park estava apenas concentrado nos antigos terrenos da Siderurgia Nacional, mas como é obvio não vamos negligenciar os outros locais.

Carla F. disse...

Todos os locais verdes são importantes!!!
Todos sem excepção! Apesar de serem locais verdes todos são diferentes na sua flora e, consequentemente, na sua fauna.

Anónimo disse...

este post é de altíssima qualidade.

grande JSD esta, sem dúvida o futuro do PSD

Pedro Sousa disse...

Uma grande proposta, coerente, fundamentada, consciente dos benefícios que uma medida como esta iriam trazer ao Seixal. É Assim que se vê os excelentes quadros e a grande competência que constituem a JSD Seixal.
Muito Bem!

Anónimo disse...

Acho que o O Daniel "cremesse" Geraldes acabou de calar os comunistas! Um post de grande qualidade!

Anónimo disse...

ate ja os comunas vêm elogiar o daniel!

em grande

Nuno Gonçalo Poças disse...

A ideia é de elevadíssima qualidade. Mais uma prova de que existe uma oposição séria à CDU no Seixal.

Carla F. disse...

Tenho orgulho em ver que a JSD Seixal está cada vez mais atenta às necessidades ambientais

Marlene Pires disse...

É um sonho que tinha tudo para se tornar realidade, se houvesse vontade política! Excelente post. Excelente ideia :)

Anónimo disse...

Há alguma razão para no post se mencionar um tal de "Seixal Park" in american? Me speak american very well. Gona drop bomb in iraq and make seixal park im portugal