quinta-feira, janeiro 08, 2009

Boas Práticas - Exemplos

“A Câmara Municipal de Aveiro (CM Aveiro) vai avançar, em 2009, com a construção de três Corredores Ecológicos, em zonas ambientalmente ricas e sensíveis, no âmbito da contratualização com o Plano Operacional do Centro/QREN (Quadro de Referência Estratégica Nacional).·
(…)
Com este projecto é objectivo da CM Aveiro preservar a biodiversidade e a qualidade ecológica dos espaços envolventes, estabilizar as margens, promover actividades lúdicas para atrair a população (caminhos pedonais e pistas cicláveis ao longo das margens), impedir todo o tipo de construções (…).


O projecto, financiado pelo FEDER, representa um investimento de 735.000 euros, sendo a comparticipação comunitária de 450.000 euros.” -> É de notar que o investimento não é muito avultado quando comparado por exemplo com o investimento da CMS no boletim municipal ou mesmo nas intalaçoes apresentadas no post anterior.

E a CMS? O que tem feito no âmbito das Politicas Ambientais?

( a resposta será apresentada num próximo post intitulado “CDU – Presta Contas em 2008 – Parte II” sendo que a parte I deste artigo pode ser vista " aqui " )

3 comentários:

Anónimo disse...

Este sim, é um exemplo a seguir, pk na CMS não se encontram muitas medidas ambientais, tanto de promoção da reciclagem, como da preservação da baía e das espécies que habitam nesta e em todo o concelho.
É simplesmente vergonhoso que um concelho tão rico como o nosso em termos biológicos seja deixado à degradação e que em vez de proteger esta riqueza destrói-se!
Este sim, é um projecto em que a CMS deveria investir e não em novos edifícios para os serviços municipais!!

Carla F. disse...

Ups, enganei-me. Em cima fui eu que escrevi.

Carla Fernandes

Daniel Geraldes disse...

As politicas ambientais da CM Seixal têm sido a destruição do sapal, o abandono da Baía, a Aldeia de Paio Pires como uma dos locais mais poluidos do País segundo um estudo da Quercus, a proliferação de licenças de construção em todo o sitio, é isto aquilo que é a politica ambiental da CDU para o Seixal.