quinta-feira, julho 17, 2008

A bandalheira que existe na educação

deixa-me envergonhado. Obrigado PS pelos bonitos exemplos. Será que já não existe vergonha em quem tutela cargos públicos.

5 comentários:

JSD Almada disse...

JSD Almada

**************Acção de rua***********

Temática: ECALMA

mais info em:

www.jsdalmada.blogs.sapo.pt

*************************************

Filipe de Arede Nunes disse...

Dani,

Isto não tem nada a ver com a educação.

O que se passa aqui, é que é o Professor Carlos Lobo apresentou um tese de doutoramento (algo complexa) e parecem não existir assim tantas pessoas capazes de a discutir.

Assim sendo foi constituido um juri com pessoas que conhecem o apresentante da tese. Acho normal, e acredito que o juri foi imparcial.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Daniel Geraldes disse...

Oh Filipe, estas pessoas não conhecem só o apresentante da tese, estas pessoas tambem são sócias dele,a tese de doutoramento até pode ter uma nota 20, mas não pode de forma alguma ser avaliada por 2 sócios seus, a bem até da sua credibilidade.

Filipe de Arede Nunes disse...

A Reitoria avaliou esta situação e concluiu que estavam reunidas as condições para a discussão da tese de realizar.

Mais, no mundo académico, não há ninguém que esteja disposto a apostar a sua credibilidade para favorecer alguém numa discussão de doutoramento.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Daniel Geraldes disse...

Ok Filipe, como nenhum de nós vai mudar de opnião, continuo a achar que isto não pode acontecer, por mais sérias que as pessoas possam ser, e eu admito que sejam todos sérios, mas à mulher de Cesár não basta ser tambem tem de parecer.