terça-feira, novembro 18, 2008

Ponte sobre a A2 nos Foros de Amora


A imagem que hoje trazemos é da ponte que passa por cima da A2 na zona dos Foros de Amora, um local onde passam diariamente milhares de veículos e de pessoas ligando a Cruz de Pau aos Foros de Amora.

Como podemos observar pelas imagens a zona para a circulação pedestre nesta ponte é verdadeiramente exígua, sendo certo que não ultrapassará um metro de largura.

Sabemos que nesta ponte passam diariamente alguns milhares de pessoas a pé, em particular jovens que se dirigem para as escolas e também muitos idosos, sendo que o espaço reservado para a sua circulação é insuficiente e as coloca em risco.

Estamos certos que a responsabilidade pela execução de uma obra que permita que se circule a pé de uma forma mais segura não depende inteiramente do poder camarário. Mas basta observar este exemplo (que está a causar profundo constrangimento junto da população e o seu descontentamento) para verificar que a Câmara Municipal do Seixal também pode solicitar, junto das entidades competentes, os melhoramentos em questão.

Por ora fica meramente a chamada de atenção, que certamente se consubstanciará numa Moção à próxima Assembleia Municipal, caso o poder político não dê a devida atenção.

16 comentários:

Anónimo disse...

«E até não sei se a certa altura não é bom haver seis meses sem democracia, mete-se tudo na ordem e depois então venha a democracia».
Parece que a JSD Seixal começou, finalmente a influenciar da DN do PSD. Agora os "balilas" já têm o seu Duce.

Anónimo disse...

Vamos ver agora no Congresso do PCP, quantos é que vão ser saneados, mas em democracia comunista.

Anónimo disse...

Há uma ténue diferença entre as opções disciplinares de um partido, a que se adere de forma voluntária e que são tomadas por maioria dos seus membros, e a defesa de um período de suspensão da democracia e das liberdades no país. No entanto não me vou dar ao trabalho de a explicar. Claro que é fácil chamar comunistas aos outros, ainda por cima quando esses outros se assumem com orgulho. Só não percebo a razão pela qual não se assumem como fascistas. Pessoalmente respeito todas as opções políticas e acho que todas são legitímas, só condeno aqueles que não admitem o que são na realidade.
Seig Heil

Daniel Geraldes disse...

Depois de jantar, chegar a este blog e assistir a uma discussão de fascismo e comunismo, digo-vos que me provoca uma indigestão.

Vamos por partes:
1) a Dra. Manuela Ferreira Leite teve um momento infeliz, mas duvido que em algum momento venha por em causa a democracia, e no seguimento do seu raciocinio percebe-se obviamente o que quis dizer.

2)Não conheço nenhuma estrutura local, regional ou mesmo nacional do PCP que seja mais democratica do que a JSD Seixal e basta compararmos os estatutos das 2 organizações partidarias.

3)Quando não se têm ideias para o País e nem a minima vontade de progressismo volta-se sempre a falar do 25 de Abril para ganhar votos á esquerda, e é o que está claramente a acontecer neste caso, sendo um aproveitamento mediatico para se distrair dos reais problemas do país.

Marlene Pires disse...

Pergunto ao anónimo o que considera "fascismo", em que é que a JSD é fascista e já agora se sabe em que pilares assenta a social-democracia.

Quanto ao posto, quanto a mim mais importante que fazer ridiculas troca de acusações, este (mau) exemplo existe um pouco por todo o conselho. E até hpje ainda não se criaram soluções, o que é de lamentar.

Cumprimentos,

MP

Anónimo disse...

Desculpem a minha embirração, mas as frases interrogativas, na língua portuguesa, terminam com um ponto de interrogação, e não ponto final. E, se aceitarem um conselho, se quiserem ganhar o concelho do Seixal aprendam a distinguir entre conselho e concelho. Sinceramente eu queria deixar de vos visitar, mas a vossa imbecilidade é enternecedora e acho que desenvolvi um carinho pela vossa cretinice. Agora é óbvio que sei o que é fascismo e social-democracia, e sei que são coisas opostas, mas não vou discutir política com analfabetos.
E é óbvio que não quis pôr em causa a democracia interna da JSD Seixal, esse farol mundial da Democracia, muito mais profunda que a do PCP, sem dúvida. E já agora: Amora a concelho!

Davide Ferreira disse...

Ultimamente temos visto uma vaga de anónimos que fazem tudo menos comentar os posts...

Posso apenas presumir que não possuem argumentos para isso.

Se querem falar sobre "a tia da vizinha" ao menos assumam quem são como os nossos militantes em vez de actuarem na capa do anonimato.

Nuno Gonçalo Poças disse...

Eu queria explicar que a Marlene afirmou que perguntava qualquer coisa ao anónimo. E isso é diferente de perguntar directamente seja o que for. Daí a diferença entre a utilização de um ponto ou de um ponto de interrogação.

Mas como já estou farto que isto esteja cada vez mais parecido com uma aula de gramática e linguística, não me vou preocupar muito com isso.

Há só uma questão a colocar: o Sr. Anónimo tem algum comentário a fazer em relação à ponte que passa sobre a A2, nos Foros de Amora, ou não?

Se tiver, cá estarei para o ouvir. Se não tiver, agradecia que a sua presença nestas caixas de comentários fosse como a sua identidade: desconhecida.

Pedro S. disse...

Gostaria de saber a razão pela qual o anónimo que tem vindo a ser uma visita assídua ao nosso blogue, só discute erros ortográficos e pontuação, mais uma vez pedia para que haja da sua parte confronto de ideias e não de pormenores linguísticos, que concordo consigo são importantes, mas não o suficiente para serem aqui discutidos, por outro lado,tenho a certeza absoluta que qualquer um consegue, se tiver a disponibilidade, escrever um texto irrepreensível na forma não obstante e com muita pena minha, não posso dizer o mesmo quanto ao conteúdo, ou seja, já sabes o que sabe escrever, e agora? Sabe pensar?

Atenciosamente,

pedro S. disse...

Onde se lê: "...já sabes o que sabe escrever..." deveria ler-se: ... já sabemos que sabe escrever..."

Anónimo disse...

Parece-me a mim, que o anónimo do "falar bom português, mas não dizer nada que se aproveite", devia tirar um curso. Qual?, não me cabe a mim dizer, mas dou uma ou duas sugestões:

1º.- Psicologia. Porquê? Simples! Com tantos problemas mentais em compreender a diferença entre comentar um post e andar a mandar postas de bacalhau, talvez ajude ao anónimo perceber em que parte do cérebro se encontra os "Distúrbios Perceptivos".

Distúrbios Perceptivos:

- Ilusões

- Cegueira, surdez e anestesia

- Agnosias

- Visual

- Auditiva

- Espacial

- Em relação as cores

- Em relação aos objectos

- ALUCINAÇÕES

2º.- Filosofia. Especificamente, Filosofia Política. Porquê? Como dizer... Tipo, os comunistas são exactamente o mesmo que os Fascistas, mas Tipo, de Direita. Tás a perceber? Talvez não?...

A M@r@d@ é a mesma, o cheiro é que é diferente.

Percebeste?

Talvez não..?

Ouve (ou lê), como preferires. Caso não saibas, a Social-Democracia vem de Marx (talvez saibas quem ele foi, e daí... talvez não.)

Quanto ao Post (isto é um comentário ao post) Excelente post, que levanta sem dúvida um problema grave de segurança pedonal. Continuem com o bom trabalho.

Cumprimentos,
Gonçalo de Albuquerque

Marlene Pires disse...

Justificação: O facto de já ter escrito duas vezes "conselho" e não "concelho" não se deve à ignorância, foi uma gafe que cometi, tal como aqueles que dizem que a JSD é fascista. Leia-se que a minha não é tão grave.

Cumprimentos,

MP

João disse...

Certas pessoas assumem a arrogância e prepotencia como formas de ser e estar na vida e fazem-na sobre a forma do anonimato, talvez por possuir algum tipo de complexo, sei lá, não me cabe a mim avaliar.
De uma coisa tenho a certeza, tem algum problema de visão, pois o post refere-se a "Ponte sobre a A2 nos Foros de Amora" e vem falar de algo que não tem nada a vêr com o tema apresentado.
Sugiro uma visita ao Oftalmologista ou ao Psicologo, pode ser algo de muito preocupante.
Ah e já agora aproveito para o aconselhar se porventura passar pela ponte, tenha cuidado pois o problema da segurança neste local é para todos os utentes que a utilizem.

Anónimo disse...

Acho que é uma ponte muito bonita, útil e, sobretudo, da responsabilidade da Estradas de Portugal. (http://www.estradasdeportugal.pt/site/v3/)
Peçam ao vosso amigo dos camelos que trate disto antes que alguém fique lá atropelado. Acho que já não é comunista, mas já foi, portanto é mau e vocês podem embirrar com ele.

Nuno Gonçalo Poças disse...

O Sr. Anónimo parece ter pouca atenção ao que se escreve. Talvez porque esteja mais preocupado em vir para aqui vomitar barbaridades do que em comentar o que é escrito.

« (...)a Câmara Municipal do Seixal também pode solicitar, junto das entidades competentes, os melhoramentos em questão.»

Faço-me entender?

Daniel Geraldes disse...

É verdade, alem de ter esse grande defeito de ter sido comunista, ainda foi ele que negociou a vendas dos terrenos da Quinta da Atalaia para o PCP.