sábado, novembro 01, 2008

JSD Seixal TV

18 comentários:

Joana disse...

É realmente uma vergonha que a ponte da fraternidade se encontre neste estado. Este é um dos muitos exemplos de uma má gestão por parte da câmara do Seixal.

Daniel Geraldes disse...

A resposta é obviamente não, uma nova gestão municipal é absolutamente necessaria, é caso tambem para perguntar quem é o vereador responsavel pelas acessibilidades no nosso Concelho?

Pedro S. disse...

Note-se que este é um troço importantissimo no interior do concelho, porem ao ver o desintresse e abondono desta por parte do executivo da CDU pode-se concluir qual é a postura destes para com o concelho em si!

patrícia fernandes disse...

Não consegui ir além do primeiro minuto do vídeo. A terrível banda sonora e a forma artificial de falar que a Joana tem impedem o espectador de acompanhar a ideia que querem transmitir.

Já nem falo da qualidade de imagem que, enfim, se não podem ter melhor é o menos. Mas podiam ter mais atenção a outros pormenores que podem ser totalmente controlados por vocês.

Em vez de estarem a ler uma espécie de teleponto, por que não exporem as vossas ideias de maneira clara e natural? Se é uma opinião própria e consistente, não há-de ser difícil. Fica o conselho.

P.S. - caso nao estejam a ler teleponto nenhum e isto seja mesmo uma forma "natural" de falar, entao peço-vos que revejam o tipo de pessoas que vão dar a cara pela JSD TV.

Daniel Geraldes disse...

Patricia todas as criticas são positivas, e como encaro as suas criticas de boa vontade, desafio-a a vir realizar um filme com a JSD Seixal para tambem se aperceber das nossas dificuldades e limitações, mas claro o nosso objectivo é ir melhorando de filme para filme. Cumprimentos.

patrícia fernandes disse...

Claro que é complicado. Mas experimentem, por exemplo, o programa Adobe Premiere Pro! Logo aí, a maior parte das vossas falhas desaparecerão.

Mas continuo a defender a necessidade de falar de modo natural para a câmara. É importante, até mesmo por uma questão de chegar mais perto do espectador. Caso contrário, bastaria ao espectador ler todas as informações que dão e ver umas fotografias.

Sim, porque também não se pode fazer um vídeo de mais de 6 min. praticamente só com carros a passar. A televisão tem que ser uma coisa dinâmica. Eu não vos estou a mandar abaixo. Estou a aconselhar-vos para que possam melhorar.

Filipe de Arede Nunes disse...

Cara Patrícias,

Deixámos claro desde o ínicio que a JSD Seixal TV era um projecto completamente amador.

Agradecemos no entanto a crítica, e faremos o possível por melhorar.

Apesar de tudo, aconselhamos a Patrícia a tomar atenção ao essencial e não ao acessório.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Joana disse...

Cara Patricia,

Peço desde já desculpas pela minha forma artificial de falar, mas é através da minha voz artificial que luto por um concelho melhor é também através dessa voz que tenho o prazer de representar a JSD Seixal.
Agradeço as suas críticas e a sua preocupação em melhorar este projecto (JSD Seixal TV), mas uma vez que está tão preocupada reforço o convite do Daniel e convido-a a fazer umas filmagens connosco.
Não posso deixar de mostrar a minha indignação, uma vez que, num filme de quase 7 minutos onde é abordada a ponte da fraternidade o que mais a impressiona é a minha voz artificial e não a má gestão da Câmara do Seixal.

Cumprimentos

Davide Ferreira disse...

Tal como já foi dito anteriormente este projecto é extremamente ambicioso na sua execução.

1) Todos nós somos amadores

2) Não somos pagos para fazer isto, no nosso tempo livre reunimos para levar este projecto avante.

3) Não temos o material adequado de som e imagem, nem fundos para o comprar.

Com isto não digo que não aceitamos críticas, bem pelo contrário são essas críticas que nos ajudam a melhorar.

E acredito que ao longo do tempo iremos melhorar o nosso trabalho, conforme ganhamos experiencia.

Em conclusão deixo a mensagem de convicção que este projecto que ainda esta em fase embrionária será no futuro uma ferramenta essencial no divulgar das nossas mensagens.

Cumprimentos

patrícia fernandes disse...

É claro que a ideia é boa, nunca deixou de o ser. Eu enumerei o que poderiam corrigir. E com o que disse penso que já levam uma boa ajuda.

Joana, obrigada pelo convite mas terei que declinar. Não defendo o que defendem e a minha imagem vale dinheiro. Contudo, tal como disse anteriormente, agarrem os meus conselhos porque vos podem realmente ser úteis. Não sejam orgulhosos.

Continuação de bom trabalho. Vou voltar para ver os progressos.

PS - Adobe Premiere Pro.

Anónimo disse...

que palhaçada!

se querem os anões da branca de neve a participar têm que pagar!

devem pensar que há almoçarada à borla!

Filipe de Arede Nunes disse...

Patrícia,

Já tive oportunidade de te explicar à muitos anos atrás, que ao contrário do que pensas, não estás assim tão afastada do que aqui defendemos e estou certo inclusive, que confrontada directamente com os argumentos que te podemos apresentar, serás incapaz de ripostar.

Afinal de contas, o que fazemos é uma análise objectiva da realidade do concelho do Seixal, apelando a exemplos de ordem prática e a modelos de ordem teórica que resultaram em circunstâncias diferentes.

Ideologicamente, e embora tu te aches de esquerda, não tens forma de fundamentar essa tua crença em resultados de ordem prática: os modelos comunistas e socialistas são um falhanço em toda a ordem e não coexistem com o conceito de democracia.

Seja como for, continuas convidada a passar pela sede do PSD e a assistires às reuniões da JSD!

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

patrícia fernandes disse...

Eu sou um bocado velha do Restelo em relação a certas coisas. Aquilo que mais questiono é: se vocês tivessem oportunidade de estar à frente da Câmara do Seixal, será que fariam um melhor trabalho? Já aqui fiz essa pergunta. E volto a dizer que estou contente com o meu concelho (embora concorde a 100% com esta questão da ponte da fraternidade) e quem dera a muitos munícipes terem municípios como o nosso.

Basta olhar para esse belo exemplar propagandístico que é o Boletim Municipal que, apesar de tudo, transmite muito bem como o concelho está constantemente a ser melhorado.

By the way, têm passado na marginal ultimamente?

Daniel Geraldes disse...

Ainda la estive este Domingo e aproveitei e comi uma LARANJA na Quinta da Fidalga que estava bem docinha, mas quando olho para a Amora sou obrigado imediatamente a puxar de um bom cigarro para conter a frustação da quantidade de betão que o meu olhar alcança.
Alias até te lanço um desafio quando estiveres no Seixal, olha para os antigos estaleiros da Amora e dai leva o teu olhar sempre para a Esquerda.

Em relação ao Boletim Municipal estou a ver que a exigência é muito e significativamente diferente.

Filipe de Arede Nunes disse...

Estás enganada Patrícia.

O nosso concelho tem uma densidade urbana desmedida. Tens passado por Santa Marta de Corroios? Ou pelo Seixal onde estão a construir a urbanização da Quinta da Fidalga? Gostas da Arrentela? E da Quinta da Princesa, o que achas? Vale de Chicharos, já lá estiveste?

E os esgotos, sabes onde vão parar? Sabes que o Seixal é um dos concelhos da área metropolitana de Lisboa com menor índice de tratamento de águas residuais?

E o que achas do facto de a Câmara Municipal do Seixal ter dado parecer positivo para a instalação de uma piscicultura ao pé da ETAR de Corroios?

E o Moinho de Maré, tens visitado? É que está fechado desde o tempo da outra senhora!

E a alternativa à EN 10? Já lá passaste? É que com tanta propaganda que lhe fizeram, certamente que está uma obra fantástica!

E a marginal da Amora, Arrentela e Seixal? É esse o teu conceito de desenvolvimento? Precisaram de mais de 30 anos para deixar aquilo como está! E a maior parte foi através de contrapartidas devido às urbanizações que vão nascendo à beira da Baia!

E em segurança? Tens visto a Polícia Segura a patrulhar as escolas? E o que achas da nossa proposta chumbada pelo PCP para a criação de uma Polícia Municipal? Bastava que este executivo acabasse com a propaganda do Boletim Municipal!

Tens andado de carro? Por acaso não notas como as estradas estão todas esburacadas e a sinalização vertical em péssimo estado?

E a Pista Carla Sacramento? Sabes quando foi inaugurada? É que ainda nem sequer a conseguiram acabar! Arranjos exteriores? Que interessa isso!

E o Fórum Municipal? Será que um edifício de cultura pode estar naquele estado? Cheio de graffiti e com a tinta a se descolar aos poucos...

Tens nadado na Piscina de Paio Pires? Deve ser difícil! É que não passa de promessa sem concretização.

E para a antiga Siderurgia? Sabes o que lá querem fazer? Adivinha: mais prédios.

E quando queres ir ao médico, como fazes? Vais ao particular, ou vais para as filas do centro de saúde. É que aqui o poder executivo, primeira autoriza a construção, depois exige ao governo a construção de hospitais, escolas, centros de saúde, esquadras da polícia!

Tens razão. As marginais do concelho do Seixal estão muito longe da marginal de Cascais, Oeiras, Figueira da Foz, Porto, Lisboa, Coimbra, Vila Nova de Gaia... O problema é que é para pior...

Patrícia,

És uma miúda muito inteligente, mas estás a ver a realidade através das sombras e nem sequer são muito nítidas.

Desafio-te a contradizeres o que, brevemente, aqui expus.

Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

patrícia fernandes disse...

Sou obrigada a concordar. Com tudo. E sublinhar. E resublinhar.

Concordo que o conselho precise de uma lufada de ar fresco. Os prédios, os prédios...não há nada a dizer, de facto. O concelho do Seixal quase que se resume a prédios. Tens razão, (Filipe) Daniel.

Mas, como já disse, sou uma velha do Restelo. A não ser que vocês apresentem um Obama como candidato, terei muitas reservas em relação a alternativas. Um Isaltino Morais também serve, vá (não há incoerência no meu discurso, o Isaltino é mesmo o melhor autarca do país).

Mas que é preciso renovação, sim é preciso. Já agora, fica outro conselho. Eu nunca dou pelas campanhas eleitorais das autárquicas. Se vocês arranjarem um bom candidato (talvez a fórula Luís Rodrigues esteja im pouco gasta pq, como já viram, não surte efeito), aproximem o candidato da população o mais possível. Só para o dar a conhecer. É que eu nunca mas nunca vi ninguém a fazer campanha numa autárquica. Só vejo cartazes (que só aguentam um dia ou dois sem serem vandalizados) e o carrinho da CDU com altifalantes a cuspir a Carvalhesa.

Boa sorte!

Anónimo disse...

vais mesmo ter um obama! nem sabes o quanto vais ter um obama!!!

patrícia fernandes disse...

caro anónimo do comentário dos anões da branca de neve, se calhar era melhor começar a pensar que as pessoas medem-se mais pela inteligência do que pela altura. A sua, inteligência, leia-se, é tão pequenina que sente necessidade de vir para aqui fazer piadas sem qualquer contributo útil para o que se está a discutir. É tão pequenina que não chega a ter o tamanho da maçã com que a bruxa envenenou a branca de neve.