quarta-feira, fevereiro 13, 2008

O tempo só nos dá razão...

Já em 2007 a JSD Seixal deu o alerta para o perigo da ponte da fraternidade...
Em 2008 tudo continua não na mesma, mas pior… as imagens que se seguem demonstram o estado de degradação e insegurança duma ponte onde circulam milhares de carros todos os dias.
Os acidentes rodoviários que lá ocorreram não são fruto do acaso mas sim um testemunho da perigosidade existente.
A Câmara Municipal do Seixal ao colocar lá o outdoor que supostamente indicava o iniciar das obras parece também se ter apercebido do perigo… mas nada faz!
As obras que teriam início em 2006 - era inclusivamente uma das prioriades defenidas pela Introdução às Grandes Opções do Plano - arrastam-se indefinidamente, provavelmente até 2009 ano de eleições…
É este o tipo de governação que queremos no concelho do Seixal?

3 comentários:

Filipe de Arede Nunes disse...

Como é que se pode confiar em orçamentos e planos de actividades da CMS, quando consta dos mesmos a execução de projectos que nunca se vêm a concretizar ou tardam e acontecer. A Ponte da Fraternidade é um desses exemplos. O estado lamentável em que se encontra, além de ser vergonhoso para quem diz que é a Baia o centro do concelho, é um perigo constante. Milhares de veiculos passam aquela ponte diariamente. Um dia acontece um acidente grave e mais uma vez os responsáveis vão assobiar para o lado como se não fosse nada com eles...
Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Velas do Tejo disse...

Meus amigos, eles só estão à espera que a Baía fique definitivamente assoreada.

Depois disso já não será necessária ponte alguma, além de terem dezenas de hectares para vender a retalho.

Para quê uma ponte, se em pouco mais de uma década basta uma simples estrada?

Essa é que é a dura realidade!

Sad but true!

Paulo Edson Cunha disse...

Extremamente pertinente a JSD voltar a trazer este tema a debate.
Uma coisa nos parece garantido:para o ano as obras começam. Ou para o ano não há eleições?