sábado, março 08, 2008

Sapal de Corroios: mais uma vez!

Segundo notícia publicada no Jornal de Notícias de hoje, o Presidente da Câmara Municipal do Seixal, referindo-se ao projecto de piscicultura para o Sapal de Corroios “não é possível agarrar num sapal destruído e pô-lo como estava.", e que “O erro grave foi do Governo que licenciou a actividade e a obra”.
Mais uma vez, os responsáveis autárquicos do Seixal atiram as culpas para os outros escondendo a responsabilidade objectiva que têm, por força do Plano Director Municipal, na execução desta obra.Fica a nota para lembrança futura!

1 comentário:

hkt disse...

É o facto consumado. Presumo que também não será possível ressuscitar os sobreiros da Qª da Princesa, nem o estaleiro da Fidalga... primeiro arrasa-se depois ... snif, snif ... lágrima de crocodilo e "para a frente é que se faz o caminho"... Nada de novo, portanto.