quinta-feira, abril 17, 2008

Encontro com a PSP do Seixal

No dia de ontem, uma delegação conjunta do PSD e JSD Seixal, representada pelo Exmo. Senhor Dr. Paulo Edson da Cunha – Presidente do PSD Seixal – e por Miguel Pina Martins – Presidente da JSD Seixal – acompanhado por alguns militantes (Daniel Geraldes, Mauro Santos e Ana Rita), foi amavelmente recebida pelo Exmo. Senhor Intendente Fernando Pinto, responsável pela segurança no nosso Concelho.
Nesta reunião que durou aproximadamente 1h30m discutimos principalmente as questões de segurança relativas ao nosso concelho, sendo que alguns temas foram tratados de uma forma mais genérica, outros temas de uma forma mais precisa.
De forma mais genérica ocupámo-nos da insegurança no nosso concelho e em particular da insegurança à porta dos estabelecimentos de ensino do nosso concelho.
Ficámos a saber que no final do mês de Fevereiro e principio do mês de Março a situação no que diz respeito à criminalidade violenta no nosso concelho teve um aumento exponencial, atingindo um pico, mas desde essa data até agora a situação melhorou consideravelmente atingindo os chamados níveis normais de criminalidade, e ficamos a saber a estratégia utilizada para os evitar, nomeadamente no reforço da vigilância por parte da PSP nas ruas do concelho.
Abordamos como não poderia deixar de ser – questão aliás suscitada por o Dr. Paulo Edson da Cunha – a situação da esquadra da Cruz de Pau, esquadra essa cujas instalações pertencem à Câmara Municipal do Seixal, e que são doadas para a utilização da PSP, sendo que em dias de chuva a esquadra costuma inundar, o que como é obvio cria imenso mau estar entre as forças de segurança pública. O PSD e a JSD Seixal aproveitam para lançar o repto para que a CM Seixal utilize a boa vontade para proceder as devidas obras para proteger o bem público.
O tema das antigas oficinas da CM Seixal, também não foi esquecido, e tendo em conta as palavras do Vereador da Câmara Municipal do Seixal responsável pela situação que diz que as oficinas se encontravam em estado caótico, apenas demonstra que este responsável político é conhecedor de toda a situação e nada faz para a minorar ou erradicar e que o abandono das oficinas por parte do executivo da CDU cria focos de insegurança para todo o concelho dando origem a actos de vandalismo, marginalidade e propiciando claramente o aumento da insegurança no concelho. Em vez de tentar contribuir através das competências que lhe são atribuídas por lei tentando minimizar este tipo de situação, o executivo esquece e assobia para o lado, sendo que a JSD não pede mais do que o cumprimento das suas obrigações, ou seja, a preservação em estado digno do nosso património, mesmo que não tenha de presente nenhuma utilização. Assim sendo, e como não poderia deixar de ser, questionamos qual seria neste momento a freguesia mais problemática em termos de criminalidade no nosso concelho, sendo apontada a Freguesia da Amora. Para a JSD, a política de abandono dos cidadãos e do seu património com que o executivo nos brindou é um dos principais causadores desta insegurança na freguesia da Amora. Tendo como base o tema da travessia da nova ponte que vai ligar o Seixal e Barreiro, pretendia saber se o comando da PSD do Seixal já se teria reunido com o Comando da PSP do Barreiro para poder estudar uma situação de segurança para os dois concelhos, ao que nos foi informado que essa reunião estaria já agendada mas que ainda não teria acontecido.
Por fim e em ultimo e em tom de curiosidade ficamos a saber que o efectivo de agentes da PSP do Seixal é composto por cerca de 300 agentes e a média de idades ronda os 32 anos.
Em nota de despedida queria apenas relembrar que as armas Glock que estavam previstas por o Ministério da Administração Interna para distribuir pelos diversos pontos do país e como não podia deixar de ser também pelo Seixal, não chegaram a ser distribuídas por a incompetência do Ministério e do Governo PS, o que veio afectar quem não deveria ser afectado por incompetência a Polícia de Segurança Publica.

3 comentários:

Filipe de Arede Nunes disse...

A importância de se ir beber directamente às fontes é inolvidavel.
Bom trabalho.
Cumprimentos,
Filipe de Arede Nunes

Anónimo disse...

Esta JSD é diferente... os meus parabens, estão a desenvolver um trabalho de fundo que irá trazer frutos para todo o concelho!!

Paulo Edson Cunha disse...

Boa Noite, venha comentar aqui
http://pauloedsonc.blogspot.com/2008/04/ltima-hora-lus-filipe-menezes-demitiu.html
no verdadeiro reduto laranja, a última "bomba da política nacional.
"A Revolta das Laranjas".

Sobre este post, apenas o reconhecimento de que esta é de facto uma GRANDE JUVENTUDE POLÍTICA de que muito nos orgulhamos. Que trabalha muito.
Uma rectificação: eu apenas acompanhei e não dirigi a delegação, na medida em que foi uma iniciativa da JSD (verdade que coordenada com a CPS/Seixal). O seu a seu dono.