quinta-feira, junho 28, 2007

Conselho Municipal da Juventude

“MAIS INTERACÇÃO, MELHOR JUVENTUDE”
CRIAÇÃO DO CONSELHO MUNICIPAL DE JUVENTUDE

Considerando que:

As autarquias locais, atenta a sua relação de proximidade com as populações, afiguram-se como os órgãos melhor posicionados para criar e desenvolver as condições necessárias para uma efectiva participação dos cidadãos na gestão das políticas do concelho e, em particular, dos jovens.
Para que a política autárquica de juventude se revele, na prática, eficaz, é essencial que saibamos quais os anseios e aspirações dos jovens, é necessário que conheçamos as suas prioridades e preferências, o que só conseguiremos se ouvirmos atentamente a voz dos próprios jovens.
Dar voz à juventude é um factor determinante para o desenvolvimento e crescimento da sociedade. Dadas as especificidades do concelho do Seixal que, desde logo pela sua situação geográfica, pode constituir um pólo de atracção para os jovens, não só do Seixal, como de todos os pontos do país, julgamos ser fundamental que a Câmara Municipal do Seixal assuma também nesta matéria uma posição de um ainda maior dinamismo e intervenção.
Uma política municipal virada para a juventude deve oferecer uma resposta adequada às necessidades dos jovens, com o objectivo de melhorar a sua qualidade de vida e favorecer a sua plena participação na comunidade
Os jovens representam um forte capital de esperança, devendo o Município desenvolver a sua acção no sentido de aproveitar as suas capacidades criativas e geradoras de processos de mudança de mentalidades e de modernização da sociedade.
Os jovens são normalmente detentores de um profundo espírito de voluntariado e de solidariedade, características que devem ser aproveitadas para um investimento real na construção de um futuro com qualidade de vida.
A propensão dos jovens ao associativismo, revestindo carácter formal ou informal, deve ser fomentada pelo Município, como forma de aprofundar o seu espírito de voluntariado e de solidariedade social, a sua capacidade para um desenvolvimento harmonioso e saudável no Concelho.
As actividades realizadas pela Câmara Municipal do Seixal, na área da juventude, devem ser dirigidas aos jovens, envolvendo-os na sua execução mas também na sua fase de definição, planificação e preparação.
Sem retirar a capacidade de intervenção individualizada dos jovens ou das suas organizações na vida do Concelho, é fundamental a criação do Conselho Municipal de Juventude, órgão que decerto fortalecerá os pressupostos aqui enunciados.
Desta forma, o Grupo Municipal do PSD propõe a criação do Conselho Municipal da Juventude do Seixal. Assim, este órgão constituiria uma estrutura concelhia, directamente dependente do Exmo. Sr. Presidente da Câmara Municipal do Seixal, destinada a estabelecer o elo de ligação entre a camada jovem da população, as estruturas associativas da juventude e a autarquia, constituindo um órgão de consulta e informação relativamente às questões ligadas à juventude.
O Conselho Municipal da Juventude do Seixal deve ser encarado como um organismo de carácter consultivo e deve ter os seguintes objectivos essenciais:
Estimular a participação dos jovens na vida cívica, cultural e política e proporcionar-lhes meios para o estudo e debate sobre as diversas temáticas eminentemente juvenis;
Aferir as aspirações dos jovens seixalenses, sendo certo que, desta forma, o município corporiza, a nível concelhio, um instrumento de diálogo e debate para os problemas juvenis, que em muito pode a ajudar a aprofundar e ampliar o seu conhecimento e a garantir respostas para a sua resolução.


A Assembleia Municipal do Seixal aos 27 dias do mês de Junho de 2007 delibera que:

A Comissão Especifica da Educação e Juventude da Assembleia Municipal do Seixal se comprometa perante esta Assembleia, a preparar uma proposta de regulamento do Conselho Municipal da Juventude do Seixal para possível discussão e apreciação na próxima sessão da Assembleia Municipal do Seixal.

2 comentários:

Anónimo disse...

Ontem estive na Assembleia Municipal do Seixal e achei no minimo triste a forma como o PCP faz politica. Qualquer uma destas propostas apresentadas pelo deputado Miguel Martins só davam reais beneficios aos jovens e ás associações juvenis.

Assim se faz politica pelo CDU, tudo o que vem do outro lado é para o lixo directo

Bom trabalho JSD, parabens

Paulo Edson Cunha disse...

A toda a JSD do Seixal,
A Comissão Política da Secção do Seixal do partidos (séniores) vem, mais uma vez expressar publicamente o apreço e orgulho em ter uma JSD com este nível qualitativo e empenhamento na defesa da causa publica.
O voto contra da CDU é "apenas" o reconhecimento da qualidade destas duas moções apresentadas pelo PSD, pela voz do líder concelhio local da JSD.
Eles discordaram da proposta? não.
O que disseram? que não estava no programa deles, que eles é que governam, que não era o órgão próprio, bla, bla, bla, bla, mas não disseram em momento algum, porque não o poderiam fazer em consciência, que era uma má proposta.
Parabéns